A partida

MATINHOS – É madrugada. Agora, uma chuva fina refresca o tempo, ainda quente, mesmo após breve temporal, mais cedo. Daqui a pouco desconectarei o notebook da tomada e do cabo de rede da internet. Quando o religar deverá ser a bordo do avião, sobre o mar. Quando me conectar novamente à internet já não será mais no Brasil. Uma amiga me escreveu e me deu em mãos uma carta, com bons desejos a mim. Amo cartas. Levarei-a comigo. Outro dia revi “Diários de motocicleta”. Não espero algo tão aventureiro para minha jornada, mas não sei o que me aguarda. Malas ainda a fazer, inacreditável que possa parecer. Lá vou eu. Volto de outras terras.

Anúncios

Sobre Márcio Carlomagno

Mestrando em Ciência Política. Formado em Comunicação Social e em Gestão Pública. Um curioso e um palpiteiro sobre a sociedade, a política, as artes, e de tudo um pouco.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s